segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Campanha de oração contra o aborto faz dezenas de mães desistirem de interromper a gravidez

Campanha de oração contra o aborto faz dezenas de mães desistirem de interromper a gravidez

Um grupo de cristãos norte-americanos está fazendo uma campanha de 40 dias de oração e ação contra o aborto, com vigílias e panfletagem em frente a clínicas de abortos. E o resultado, até agora, é que 35 mães desistiram de tirar a vida de seus bebês.
O caso mais marcante é o de uma mulher chamada Michelle, que iria abortar em concordância com seu marido, pois já tinham três filhos e não queriam um quarto.
Ela foi abordada por um voluntário da campanha, que entregou um panfleto com informações de defesa da vida. Após ouvi-lo, ela entrou na clínica, mas minutos após saiu, pedindo maiores detalhes sobre o centro de apoio à gravidez que oferece acompanhamento às mães que desistem do aborto.
De acordo com informações do LifeSite News, ela disse que precisava de uma carona até o local, pois seu marido, embora estivesse esperando-a no estacionamento, não concordaria em levá-la. Ao chegar ao centro de apoio, a equipe fez um ultrassom e estimaram o tempo de gravidez em oito semanas.
“Meu bebê tem braços e pernas!”, disse ela, surpresa e decidida a levar a gestação adiante.

DEIXANDO DEUS COMO ÚLTIMA OPÇÃO

Se Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Salmos 46:1 Então, Porque a primeira pessoa que procuramos qua...